Aqui Começa o Mundo

Esta história aconteceu há seiscentos anos. Esta história é verdadeira mas nem todas as histórias são verdadeiras. Estás à espera de quê? Vai e vê por ti próprio. Salta muros e atravessa oceanos em busca da verdade. Em busca da maravilha do conhecimento.
O Cabo Bojador, também conhecido como Cabo do Medo, é uma extensão de terra africana, que se alonga Atlântico adentro, dificultando a navegação junto à costa.
Foram quinze as expedições falhadas feitas em apenas doze anos, no século XV. Muitos acreditavam que ali acabava o mundo. Quem ia não voltava. Mas o Infante D. Henrique sabia ver bem o que estava longe. Enviou o navegador Gil Eanes para dobrar o cabo do medo. E o resto é história!
É a história que Sophia nos conta, enraizada na magnífica metáfora da conquista do desconhecido, onde antes morava o medo. É uma ode ao questionamento e à curiosidade, à renovação e ao crescimento. Ninguém melhor do que Sophia para nos levar nesta viagem. Sophia, a rebelde distraída, sempre atrasada para os seus compromissos – para poder escutar os poemas sem tempo que pairam no ar. Sophia Coragem, Sophia Conquista, Sophia Esfola os Joelhos e Continua a Correr. Sophia Conta e Reconta. Sophia Poesia. Não haverá um pouco de Sophia em todos nós?
Desejamos que as nossas crianças cresçam sem medo de embarcar, com a prudência necessária mas prontas para cair e voltar a içar as velas ao vento. Desejamos que cresçam livres, que os seus olhares se lancem para lá do horizonte e que, mesmo escutando as palavras antigas, saibam elas escrever a sua própria história. Uma nova história.

Sinopse

Qual é o teu Bojador? O que é preciso para partir? O que é preciso para deixar o medo para trás e conquistar o Bojador? O que é preciso para desafiar as palavras encrespadas dos que não alimentam o sonho?
A partir do livro O Bojador de Sophia de Mello Breyner, Sofia Moura e Dennis Xavier criam e interpretam Aqui Começa o Mundo, uma criação que parte de uma encomenda e produção do Teatro Viriato.
Os artistas convidam a embarcar numa viagem teatral por mares tempestuosos para ir mais além, mais longe do que os antigos acreditam ser possível.
Nesta viagem em mar aberto, são imensas as possibilidades, mas é solitária a jornada do herói.

Ficha Artística

Criação e interpretação: Sofia Moura e Dennis Xavier
Música: Dennis Xavier
Costureira: Carmo Félix
Fotografia: Carlos Fernandes
Agradecimentos: Catarina Magalhães, Graeme Pulleyn, Paula Garcia, equipa técnica e de produção do Teatro Viriato
Uma encomenda e produção: Teatro Viriato

Pedir dossier


Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google