A SOLO daquela vez na primavera

A SOLO daquela vez na primavera procura refletir sobre a desertificação dos centros históricos das cidades, valorizando as comunidades e as histórias dos seus habitantes e comerciantes. Numa época em que muitos destes polos que subsistem através do turismo vêm frustrada a sua regularidade económica pela pandemia, este espetáculo de rua procura também ser uma alternativa válida à mobilização de público residente e turístico para estas zonas tendencialmente despovoadas.
A SOLO é um espetáculo sobre tudo aquilo que não aconteceu por ter sido interrompido.

Sinopse

Uma história fragmentada contada por seis personagens que habitam as artérias comerciais da cidade. Com uma vivência em comum, aquela Primavera do ano de 2020, povoam as ruas contando como foi daquela vez em que a rua ficou deserta e todas as coisas ficaram interrompidas. Contam-nos a seis vozes, as seis faces do cubo que rolou e jogou com a sorte de todos.

Ficha Artística

Direção Artística: Dennis Xavier e Sofia Moura
Interpretação/co-criação: Dennis Xavier, Gabriel Gomes, Joana Martins, Roberto Terra, Sofia Moura e Sónia Teixeira
Produção Executiva: Guida Rolo
Assistência de Produção: Mirele Alexandre
Produção: Mochos no Telhado
Fotografia: Clarice Lugatte

Pedir dossier


Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google